2ª a 6ª 9h00 - 20h00 | sáb 9h30 - 14h30
09
Maio

5 alimentos que prejudicam os seus dentes

Para manter os dentes fortes e com o esmalte intacto, há que evitar cair na tentação dos doces, escovar os dentes pelo menos 2 vezes por dia e usar desinfetante oral.

Somos o que comemos e também aquilo que não comemos. Assim, deve escolher bem aquilo que come diariamente, ao mesmo tempo que revê os alimentos que não come atualmente, para que talvez os inclua no seu menu.

Os alimentos açucarados e uma higiene oral insuficiente são as principais causas dos danos nos dentes. Por isso, levar uma dieta equilibrada e evitar estes 5 alimentos é a melhor forma de manter um sorriso radiante.

1. Sumos cítricos

Ainda que os sumos cítricos sejam excelentes e saudáveis para qualquer dieta, o seu consumo em excesso pode danificar o esmalte dental e criar cáries, pelo que é uma boa ideia tomar estes sumos com palhinha e escovar os dentes depois de os ingerir.

Também é saudável misturar os cítricos com outras frutas ou hortaliças, como a salsa, para evitar danificar o esmalte. Os frutos suaves, como os morangos, compensam o efeito dos cítricos.

Além disso, segundo uma nota do portal da web enfemenino.com, os morangos são um aliado para os dentes, já que constituem uma fonte de xilitol, uma propriedade que evita a placa dentária, fortalece o esmalte e estabiliza as cáries. Outro sumo que recomendamos é com cenoura ou aipo, visto que ambos limpam a placa bacteriana dos dentes e eliminam os restos de outros alimentos

2. As batatas fritas de pacote

Por conterem uma percentagem substancial de amido, são uma ameaça para o esmalte dentário. Evite esta opção a tudo o custo. Porém, se não conseguir deixar de cair na tentação, uma boa opção é trocá-las por aperitivos mais simples, como batata frita de banana da terra, coco ou uma mistura de verduras.

Outra alternativa para acalmar a ansiedade por batatas é comer húmus com cenoura ou aipo. Porém, sempre que se lava os dentes logo após comer batatas fritas, está-se a ajudar a manter os dentes saudáveis. Devemos procurar eliminar todos os restos deste alimento e utilizar fio dental para evitar a formação de placa.

Os especialistas recomendam que se decidir evitar o consumo destes alimentos, deverá também manter uma higiene oral cuidada. Desta forma, não será difícil manter um sorriso perfeito e saudável.

3. Bebidas muito quentes ou muito fritas

Não são nada recomendáveis, visto que além de danificarem o esmalte do dente, geram sensibilidade nas gengivas. A temperatura média é a chave.

Considere que se tem caries, a sua saúde dental está ainda mais em perigo. Se as bebidas são muito frias, aumenta a sensibilidade dentária e inflamam-se os vasos sanguíneos no interior do dente. Por isso, o melhor é comer alimentos ou ingerir bebidas com temperaturas não extremas, visto que as alterações bruscas afetam muito a saúde oral.

4. O vinho tinto

Já reparou que o vinho tinto mancha os lábios imediatamente, bastando um gole? Pois, o mesmo acontece com o esmalte dentário, além de que o desgasta devido à sua elevada acidez.

O vinho debilita o dente com o seu componente ácido e mancha-o devido ao seu corante.

Ainda que seja um excelente nivelador de alguns valores endócrinos, o ideal para cuidar dos dentes é reduzir o seu consumo e optar por outras hipóteses, com o ovinho branco, o champagne ou o cava, que evitam que se desgaste mais o esmalte.

Recorde-se também que não deve escovar os dentes logo após beber vinho, porque a boca está cheia de ácido líquido e ao escovar os dentes imediatamente é possível que se danifiquem os dentes e se piore o problema.

Para evitar que a boca se encha de ácido e fique manchada, pode beber vinho branco entre cada copo de vinho tinto para enxaguar a boca com este, como se o estivesse a provar.

5. Café, molho de soja, ketchup

Os três alimentos são um tanto nocivos para a saúde, caso se cometam excessos no seu consumo. Começando pelo molho de tomate ou ketchup, que além de ser prejudicial para o sistema digestivo e prejudicar o bom funcionamento dos rins, também é prejudicial para os dentes, visto que mancham o esmalte e deterioram a sua estrutura.

O molho de soja pode ser substituído por azeite, visto que também mancha os dentes e faz com que fiquem pouco saudáveis. Relativamente ao café, reduzir o consumo deste a um café por dia é a melhor solução, complementando com outras opções, como o chá verde.

Há muita variedade, como chá de matcha ou o chá chai, que podem inclusivamente ser misturados com leite, se preferir.

Recorde-se que as sugestões dos dentistas são vitais caso se tenha submetido a um tratamento de branqueamento dentário ou outro tratamento estético dentário.

Como cuidar do esmalte dentário?

Se não o sabe, o esmalte dentário é o tecido mais duro do corpo humano e deve-se à mineralização dada pela hidroxiapatita, também presente nos ossos.

Garantir que não sofre danos é fundamental para manter um sorriso perfeito, porque se o esmalte se deteriora, é possível que sofra perdas fisiológicas que só poderão ser solucionadas com próteses.

A melhor forma de cuidar dos dentes, é comendo alimentos fáceis de mastigar, que não os manchem e que não sejam carboidratos refinados, preferencialmente.

Evite, ainda, morder comida ou objetos duros e elimine o mau hábito de roer as unhas, caso o tenha.

Reduza o consumo de sumos artificiais açucarados que contenham corantes, de águas carbonatadas e outras bebidas eletrolíticas ricas em conservantes.

O mais importante é que escove os dentes com uma escova de dureza média, com uma pasta rica em flúor e que visite o dentista pelo menos uma vez por ano.

Fonte: enfemenino.cominfosalus.com

Marcar consulta